POLÊMICA : Homossexuais e o meio liberal.

Divulgando nossa festa pelo whatsapp essa semana , nos deparamos com a seguinte situação:

Mandei a chamada para um número de uma pessoa que se classifica como solteiro e recebi a seguinte resposta:

- Na festa de vocês pode entrar Trans?

Respondi:

- Claro, nós não temos nenhum tipo de preconceito, porém pedimos que ao ser abordada ou abordar alguém, deixe claro para a pessoa a sua orientação sexual.

Acredito que não tenha falado nada demais, pois se até entre casais as práticas sexuais têm que ser bem discutidas antes de uma interação, imagina com uma terceira pessoa, seja ela, homem, mulher, trans ou qualquer outra orientação.

Mas não foi o que a pessoa entendeu e a partir daí seguiu-se um show de aberrações:

Ela - Primeiro que Trans não tem nada a ver com orientação sexual, é identidade de gênero e é por respostas dessas que a festa de vocês não bomba, é uma merda!

Respirei fundo e ingenuamente tentei dialogar, pois ainda não tinha percebido que a pessoa só tinha a intenção de causar problema... Continuei:

Eu - Mas cara, como você pode dizer que a nossa festa é uma merda se estamos iniciando agora em uma nova casa e a festa nem aconteceu ainda?

Eu- Sexualmente falando, você curte homem ou mulher?

A pessoa não me respondeu e continuou no ataque e a partir desse ponto percebi que nada que eu dissesse seria levado em conta... Segue:

Ela - Não interessa se eu curto homem ou mulher, é por isso que só vou nas festas do casal fulano de tal na casa tal, lá eu faço o que quero, eles não tem preconceito... Sua festa é uma merda... esse local é horrível... Vocês nunca vão dar certo, vou dar print nessa mensagem e colocar no facebook...
Depois disso ninguém vai na sua festa e bla bla bla....

Já sem paciência e sacando que se tratava de alguém mandado respondi:

Eu - Se você é uma Trans e sai com homens você é homossexual e ponto.
        Você só quer causar e se auto-afirmar.
        Pode divulgar no seu facebook pois realmente não quero pessoas como você na minha festa, é            um favor que me faz.
        Passar bem.

E bloqueei o contato...

Essa pessoa me incomodou e me levou a refletir sobre a zona que está o meio liberal.

Perceberam o que a pessoa Trans queria???

Ela queria chegar na festa como mulher(justo), mas na hora de interagir não queria dizer pro cara que é trans e se passar por mulher.
Como elas fazem isso eu realmente não sei, mas se fosse eu nessa situação, acredito que não daria pra esconder de mim, e não ia achar nada legal, descobrir na hora da interação que fui enganado.

Gente, respeitamos a orientação sexual ou identidade de gênero (se assim é o politicamente correto a se dizer) de todos, mas não somos obrigados a nada, muito menos a interagir com quem não gostamos.

o Swing, por definição é a realização de fantasias sexuais dos CASAIS e todo o contexto gira em torno dos casais.


Comentários